Quarta-feira, 29 de Abril de 2009

O Panda é um gato cruzado de siamês que foi recolhido ainda muito bébé e teve de ser alimentado com leite de substituição, durante os primeiros tempos. Passou também por um período de anorexia e gastroenterite, que ficou resolvido em pouco tempo, com tratamento médico. Hoje, já com sete meses de idade e com 3.800Kg, foi submetido a cirurgia de castração, com todas as vantagens já referidas no blog... Deixo-vos com as fotos deste maravilhoso animal!

 

                 



publicado por clinicaveterinariasjoaobraga às 18:31 | link do post | comentar

Segunda-feira, 20 de Abril de 2009

A vacinação e a desparasitação de gatos não deixa de ser tão ou mais importante quanto a dos cães. Existem uma série de doenças infecto-contagiosas em gatos que só serão evitadas através da vacinação. São elas a Rinotraqueíte infecciosa felina; a Calicivirose, a Panleucopénia, a Leucemia felina e a Raiva.

Assim, recomenda-se o seguinte esquema de vacinação:

Primo-vacinação para Rinotraqueíte infecciosa felina, Calicivirose e Panleucopénia:

- 1ª administração a partir das 8 semanas de idade,

- 2ª administração de 3 a 4 semanas mais tarde.

Revacinação anual.

Quanto a leucemia felina, esta é uma doença sexualmente transmissível e só recomendada para gatos que contactem com outros. Será feita juntamente com as anteriores e reforçada nas mesmas alturas.

A vacinação contra a raiva é recomendada a partir dos quatro meses, numa  única administração e reforçada anualmente.

 

Calendário de desparasitação:

 

Desparasitação interna- mensal até aos seis meses e depois de 4 em 4 meses.

Desparasitação externa- mensal.



publicado por clinicaveterinariasjoaobraga às 19:10 | link do post | comentar | ver comentários (1)

Quarta-feira, 15 de Abril de 2009

É muito frequente aparecerem em consulta cães ou gatos que segundo os donos estavam febris ou com dores e aos quais foram administrados medicamentos de medicina humana tais como voltaren, aspirina, brufen, benuron, etc...

Além de não resolverem o problema físico do animal, estes medicamentos são muitas vezes causa de intoxicação.

Não é demais lembrar que o aparelho digestivo e a capacidade de absorção destes medicamentos pelos animais é bem diferente da dos humanos. Assim como uma simples aspirina ( ácido acetilsalicílico ) pode matar um gato, o voltaren ( diclofenato ) é responsável por efeitos colaterais como gastroenterites severas ( vómitos e diarreias ), salivação excessiva, andar cambaleante, tremores, crises convulsivas e falência renal nos cães, levando à sua morte em poucas horas.

Se acidentalmente o animal ingerir algum destes medicamentos é urgente entrar em contacto o mais rápido possível com o médico veterinário assistente.  

 



publicado por clinicaveterinariasjoaobraga às 15:26 | link do post | comentar | ver comentários (4)

 

 

Tenho tentado abranger os temas que considero serem mais interessantes e que merecem ser debatidos, no entanto estou sempre disponível para toda e qualquer questão que surja e tentarei responder o mais breve possível. Obrigada!



publicado por clinicaveterinariasjoaobraga às 15:10 | link do post | comentar

Sexta-feira, 3 de Abril de 2009

Com a chegada da Páscoa, vêm os ovos de chocolate e as amêndoas. Para os animais o chocolate devido à sua elevada palatibilidade é muito apetecido e não são raras as vezes que encontramos um cão a comer chocolate, ou porque o conseguiu "roubar" ou porque o dono inconscientemente lho deu. 

É bom que saibam que o chocolate pode matar um cão.

Na constituição do chocolate estão os carbohidratos, os lípidos e as metilxantinas ( teobromina e cafeína ). São estas últimas as maiores causadoras de intoxicação. Depois de absorvidas pelo sistema digestivo são distribuidas pelo organismo atingindo o coração e o sistema nervoso central.

Os sintomas de intoxicação fazem-se então notar - vómitos, diarreia, urina em grandes quantidades ou mesmo incontinência, ofegância e aumento da temperatura corporal.

Estes sintomas agravados podem levar ao choque pela hipertensão, coma e morte!

Como curiosidade sabe-se que quanto mais escuro for o chocolate mais tóxico é, pois possui maior quantidade de  metilxantinas. Assim, o chocolate branco é considerado menos tóxico que o chocolate amargo.

Note-se também que para um cão de cinco quilos de peso, vinte e cinco gramas de chocolate amargo já é considerada dose tóxica!!! 

Desejo a todos uma boa Páscoa, sem esquecer os devidos cuidados com os seus amigos de 4 patas!



publicado por clinicaveterinariasjoaobraga às 18:12 | link do post | comentar | ver comentários (1)

mais sobre mim
Maio 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Epilepsia nos cães

Doença Periodontal

Intoxicação por Lexívia e...

"Tobias"

Correspondência de Idades...

"Tita", terceira cirurgia...

Cães-guia em Portugal

De volta!!!

Aviso

Pneumonia em Tartarugas

arquivos

Maio 2012

Abril 2012

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Abril 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Outubro 2009

Agosto 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

blogs SAPO
subscrever feeds